CV completo | Full CV VERBETE BIOGRÁFICO Nasceu em São Paulo onde vive e trabalha. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela PUC, Campinas (1997), e mestrado pelo Programa de Comunicação e Semiótica da PUC, São Paulo (2003). É doutora pelo mesmo programa com a tese sobre arte contemporânea “Mapas para desorientar – e territorializar ambientes e corpos” (2014). Desde 1994 tem participado de diversas exposições de arte individuais e coletivas, em São Paulo, na Galeria Eduardo Fernandes, Paço das Artes, SESC, Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo, Espaço Cultural Porto Seguro, entre outras e Galerie Sycomore, em Paris. É autora do livro “Identidades – A produção da diferença em arte contemporânea”, Editora Intermeios, 2014. BIOGRAPHICAL ENTRY Born in São Paulo, where she lives and works. Holds BA degree in Architecture and Urbanism from PUC, Campinas, MA degree in Communication and Semiotics from PUC, São Paulo, and PHD by the same program with the thesis about contemporary art Maps to disorient – and territorialize environments and bodies (2014). Since 1994 she has participated in several individual and collective art exhibitions, in São Paulo, at Galeria Eduardo Fernandes, Paço das Artes, SESC, Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, Museu de Arte de São Paulo, Espaço Cultural Porto Seguro, among others, and Galerie Sycomore in Paris. She is the author of Identities – The production of difference in contemporary art, by Editora Intermeios, São Paulo, 2014. Identidade [s] A produção da diferença em arte contemporânea O livro trata do sentido de identidade em trabalhos de arte contemporânea não por aquilo que o define, mas pela possibilidade de levantar questões à margem das categorizações. Juntamente às imagens das obras são feitas análises de textos de várias áreas, como comunicação, estudos culturais, ciência e literatura, além da área de artes. O resultado final se assemelha a uma curadoria, construída no próprio percurso, por meio da conexão de diversas fontes, entre múltiplos eixos temporais, estruturada com citações, comentários e imagens. O objetivo é constituir um quadro de reflexão sobre a aptidão da arte para provocar deslocamentos conceituais e desterritorializar molduras epistemológicas. Esse livro partiu da pesquisa de mestrado da autora. Identity[ies] The Production of the Difference in Contemporary Art The book deals with the sense of identity in contemporary works of art involving issues that are left outside the usual categorizations. Along with images of works, it includes analyzes of texts by authors from various fields such as communication, cultural studies, science and literature, and also, art. The final result resembles a curatorship connecting different sources, across multiple time axes, structured with quotes, comments and pictures. The objective is to provide a framework for reflection on the ability of art to provoke conceptual shifts and deterritorialise epistemological frames. This publication is the result of research for the author’s master degree. Mapas para desorientar e territorializar ambientes e corpos Nesta tese, observei os trabalhos artísticos como mapas que desorientam por que exatamente questionam determinações. São inacabados, por que estão sempre prontos à novas conexões. As ações artísticas, ao criarem novos conceitos, estratégias e metáforas, desestabilizam categorias e classificações identitárias previamente conhecidas. A tese se organiza a partir de três encontros que acionam debates e insights, gerando novos processos de criação. São eles: Jorge Macchi e Alva Noë; Lee Ufan e António Damásio; Silvia Bächli e William Hirstein e Vilayanur S. Ramachandran. Os trabalhos que produzi a partir dos insights complementam a pesquisa e podem ser observados como reflexões, desdobramentos sensíveis das questões apresentadas na tese. https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4632 Maps to Disorient and Territorialize Environments and Bodies In this thesis, the artworks were observed as maps that disorient because they question determinations. These maps are unfinished, because they are always ready for new connections. The artistic actions, when creating new concepts, strategies and metaphors destabilize identity categories and classifications previously known. The thesis is organized from three encounters that trigger debates and insights, generating new creative processes. The encounter happened between: Jorge Macchi and Alva Noë; Lee Ufan and António Damásio; Silvia Bächli and William Hirstein and Vilayanur S. Ramachandran. The artworks that I produced from the insights complement the research and can be seen as reflections, sensitive developments of the issues presented in the thesis. https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4632